Dona Xepa

Sinopse da novela Dona Xepa


Dona Xepa (Angela Leal) é uma senhora pobre e sem estudo que foi abandonada pelo marido, Esmeraldino (José Dumont). Com dois filhos para criar, ela não se deixou abater e sempre trabalhou muito em uma barraca na feira para garantir o sustento e a educação das crianças. O apelido curioso ela ganhou porque, com seu bom coração, preocupava-se com quem tinha ainda menos que ela e distribuía as sobras de sua barraca entre os mais necessitados. Apesar das dificuldades que teve que enfrentar depois que foi deixada, Dona Xepa não admite que falem mal de seu marido.

Já adultos, Édison (Arthur Aguiar) e Rosália (Thais Fersoza) revelaram personalidades bem diferentes um do outro. O rapaz estuda arquitetura e às vezes se envergonha da mãe, mas jamais seria capaz de prejudicá-la. Já a filha, Rosália, conseguiu tornar-se advogada,mas não se conforma com a vida que leva. Bonita, orgulhosa e um poço de ambição, ela é capaz de tudo para ascender socialmente, capaz até mesmo de passar por cima dos próprios sentimentos. Como não poderia deixar de ser, morre de vergonha da mãe.

Enquanto a história dessa família se desenvolve,outros filhos também entram em conflito com suas mães, cada um por seus motivos. É o caso de Lis (Rayana Carvalho), a filha da perua Meg Pantaleão (Luiza Tomé). Típica mulher da alta sociedade paulistana, Meg vive para ostentar o que possui e não faz questão de esconder seu desprezo pelos pobres, comportamento que envergonha a filha.



Comente sobre a sinopse da novela Dona Xepa:




Personagens

Veja lista completa dos personagens da novela Dona Xepa